Avaliação

A Clisound realiza avaliação da audição de indivíduos em todas as faixas etárias.
De acordo com a queixa, é possível determinar quais procedimentos serão necessários para contemplar o processo de avaliação e diagnóstico.
Uma avaliação completa e correta irá determinar o sucesso do processo de intervenção e tratamento adequado, atuando de forma individualizada e centrada no indivíduo e nas suas necessidades e características.

Avaliação Audiológica Infantil:

Para avaliar a audição de crianças, são realizados alguns procedimentos que fornecerão informações sobre a via auditiva periférica e central. Alguns dos procedimentos oferecidos pela Clisound são: Avaliação comportamental, Audiometria com Reforço Visual, Audiometria em campo livre, além da aplicação de questionários específicos, determinados de acordo com a idade e as dificuldades apresentadas pela criança e/ou referidas pela família.

Avaliação Audiológica de Jovens, Adultos e Idosos:

A avaliação de jovens, adultos e idosos contempla procedimentos que mensuram as dificuldades e limitações auditivas, como Audiometria Tonal Liminar, Audiometria em campo livre, medidas in situ (na orelha) com equipamentos específicos que fornecem informações sobre a ressonância de cada orelha, questionários para verificar a restrição de participação, entre outros.

Avaliação do Zumbido:

Diversas vezes, o indivíduo apresenta queixas auditivas associadas ao zumbido ou barulho nas orelhas e/ou cabeça.
Desta forma, a Clisound possui um protocolo de atendimento voltado na avaliação do zumbido, incluindo medidas psicoacústicas, questionários e instrumentos de investigação estudadas e validadas pela sociedade científica da área.

O que é Processamento Auditivo Central?

Processamento Auditivo Central é a ação de um conjunto de habilidades específicas necessárias para que nosso o cérebro possa interpretar o que ouvimos.

Estas habilidades são desenvolvidas desde o nascimento, como, localizar um som, diferenciar um som de outro, focar a um som e ignorar os outros, complementar informações distorcidas ou com baixa qualidade, etc.

Qualquer alteração em uma dessas habilidades pode ocasionar um Transtorno do Processamento Auditivo Central e acarretar dificuldades na compreensão auditiva, escrita, leitura, comportamento social e linguagem (falada ou escrita).

Os principais sinais e sintomas do Transtorno do Processamento Auditivo Central são:

Auditivo

- Ouve, mas não entende
- Realiza muita leitura labial/facial
- Tem dificuldades em seguir regras e ordens
- Demora para entender diferentes assuntos
- Pede para repetir a informação com frequência
- Apresenta frequentemente falas como: “hã?”, “o quê?”, “como?”, “não entendi!”
- Tem dificuldades em aprender músicas ou ritmos


Fala e linguagem

- Troca sons na fala
- Tem dificuldades de expressar-se, resgatar palavras, compreender piadas ou duplo sentido, perceber ritmo e entonação na fala do interlocutor
- Confunde-se ao contar fatos ou histórias


Escrita e leitura

- Troca letras com sons parecidos, p/b, t/d, f/v, k/g, s/z
- Tem “letra feia”
- Apresenta dificuldades em elaborar texto, resgatar ideias e organizar através da escrita
- Tem dificuldades de compreender textos e de interpretar de problemas matemáticos
- Necessita copiar as tarefas dos colegas em sala de aula
- Apresenta dificuldades com regras de acentuação


Comportamento social

- Distração
- Ansiedade e impaciência
- Impulsividade
- Agitação
- Tendência ao isolamento
- Desorganização

Caso o paciente apresente muitos dos sinais e sintomas aqui elencados, procure auxílio profissional.

Como é a Avaliação Comportamental do Processamento Auditivo Central?

A avaliação é realizada por um profissional fonoaudiólogo devidamente capacitado para aplicar e interpretar os resultados dos testes que compõe a bateria. São utilizados testes nacionais e internacionais cientificamente comprovados que irão quantificar o desempenho do paciente nas habilidades auditivas necessárias para realizar uma escuta efetiva no dia a dia. A aplicação ocorre em cabine acústica, com o uso de um audiômetro e um computador.

Podem realizar a avaliação crianças a partir dos sete anos de idade, a fim de investigar as habilidades auditivas com maior precisão. Contudo, determinados testes permitem observar o desenvolvimento de algumas habilidades auditivas já aos 5 anos de idade.

O diagnóstico precoce e a intervenção terapêutica evitam processos deficitários na aprendizagem e socialização do paciente.

(Re)Habilitação

Após a realização de todo o processo de avaliação e diagnóstico, é possível realizar uma conduta adequada para cada caso.

Terapia de Processamento Auditivo Central

A Clisound oferece atendimentos de terapia para Processamento Auditivo Central, para indivíduos que necessitam de intervenção nesta área. As sessões são determinadas pelo fonoaudiólogo especialista e estabelecidas junto ao paciente e/ou família.

Treinamento Auditivo

Após o processo de adaptação de dispositivos eletrônicos, podem ser necessárias algumas sessões de estratégias comunicativas, além de atividades que possuem como objetivo o estímulo das habilidades auditivas.
Aqui na Clisound você pode verificar qual planejamento se adequa as suas necessidades e características auditivas.